À VENDA NOS SEGUINTES LOCAIS

À VENDA NOS SEGUINTES LOCAIS
PONTOS DE VENDA: União dos Escritores Angolanos; Rede de Supermercados KERO; Tabacaria GRILO (edifício do Mercado de Benguela); Livraria SUCAM, Benguela; Livrarias LELLO, MENSAGEM e na SALA DE EMBARQUE do AEROPORTO INTERNACIONAL 4 DE FEVEREIRO, Luanda

terça-feira, 3 de setembro de 2013

Cinganji [t∫inga:ndji], figura mítica da etnia Ovimbundu, é um elemento emblemático associado à exaltação cultural, geralmente ligada a rituais de circuncisão e mesmo animação em eventos festivos com relevante simbolismo no meio rural. A sua existência no meio urbano vem sendo acompanhada de dilema, entre a preservação e a profanação. Se, por um lado, é necessário passar a experiência de geração para geração, já por outro, não deixa de ser verdade que alguns tabus determinantes passam a ser expostos, como a proximidade com o público ao ponto de o ocinganji ser tocado, o que era suposto ocorrer apenas sob intermediação.

2 comentários:

NAMIBIANO FERREIRA disse...

Quando vivi ma Kamunda, Benguela, há muitos, muitos anos, costumava ver o cinganji. Lembro tao bem e, no entanto, eu era nesse tempo um candengue muito pequeno... aliás tenho um poema que fala disso, dessa vivencia na Kamunda. Vou levar a tua postagem para a Ondjira.
Abracos

Angola Debates e Ideias- G. Patissa disse...

Grandes memórias, certamente, companheiro Namibiano. Grato, uma vez mais pela parceria.